Educação

Contação de histórias estimula imaginário

Organizada pela Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Turismo e Desporto, o projeto de Contação de Histórias envolveu alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos, de Educação Infantil Primeiros Passos e Brilho de Infância, além dos colégios estaduais.

A atividade foi coordenada pela escritora, contadora de histórias, produtora editorial, formada em Letras/Literatura, especialista em Cultura e Literatura e Pós-graduada em Artes Visuais, Márcia Funke Dieter.

O objetivo é permitir o contato com diferentes linguagens e maneiras de contar um mesmo acontecimento, promover a articulação entre corpo, voz e recursos cênicos para alargar o imaginário, os sentidos e ajudar na interpretação textual. Conforme a secretária Sibele Thile, a secretaria proporcionou esse momento em homenagem às crianças e estimular o hábito da leitura. 

Confira mais imagens do evento:

 

Foto Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais
Saúde e Assistência Social

O mais importante é sua saúde e bem-estar

Encontro abordou a importância da prevenção como forma de evitar o câncer de mama

A Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social realizou um encontro para as mulheres no Salão da OASE. A programação, alusiva ao Outubro Rosa, teve palestra com a médica ginecologista e obstetra Ritajaína de Lima Freitas, animação musical com o professor Glauco Rodrigues e sorteio de brindes doados pela Cooperativa Certel.

“Precisamos conhecer nosso corpo, nos tocar e cuidar da nossa saúde. Quanto antes a mulher descobrir o câncer, maior a chance de cura”, destacou Ritajaína. O câncer de mama é o tipo que mais acomete mulheres em todo o mundo, tanto em países em desenvolvimento quanto em subdesenvolvidos.

No Brasil, excluídos os tumores de pele não melanoma, é o mais frequente em mulheres de todas as regiões, com taxas mais altas no Sul (74,30 mulheres em 100 mil) e no Sudeste. A estimativa é de 66.280 novos no Brasil para 2022. A médica ainda falou do câncer de colo de útero e ovário.

Confira mais imagens do evento:
 

Fatores de risco

Ritajaína destacou os fatores de risco como obesidade após a menopausa, tabagismo, consumo excessivo de bebida alcoólica, sedentarismo, entre outros. “Devem ser examinadas por um profissional experiente e fazer o rastreamento com Mamografia anualmente todas as mulheres a partir dos 40 anos até 69 anos. Caso tenham algum familiar (mãe ou irmã) com a doença, é preciso consultar 10 anos antes da idade no diagnóstico, cada caso deve ser avaliado individualmente. Em torno de 95% dos casos, quando descobertos precocemente, tem cura.”

Para o secretário Lairton Heineck, o momento foi de conscientização. “Garantimos que nenhuma mulher ficará sem atendimento. O cuidado e acolhimento são o primeiro passo para o tratamento eficaz.” Os exames podem ser marcados pessoalmente na Unidade Básica de Saúde ou pelos telefones (51) 3705-1051 ou (51) 9.9921-8759 (WhatsApp).

 

“Todo cuidado é pouco”

Dirce Schneider descobriu o câncer de mama faz sete anos e desde então está em tratamento. Apesar de estar controlado, destaca a importância do diagnóstico precoce e do cuidado diário. “Foi um susto muito grande. Hoje estou em boa recuperação. Cada mulher precisa se conhecer, se tocar e caso sinta alguma alteração, procurar apoio médico imediatamente. Somente a prevenção ajuda a evitar a doença e caso a tenhamos, quanto mais cedo fizermos o tratamento, antes estaremos curadas.”

 

Faça o autoexame

Debaixo do braço direito e esquerdo;

Toda a mama;

Por cima da mama;

Deite-se e toque-se;

Explore realizando círculos.

 

Fotos Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais
Saúde e Assistência Social

Município inicia programa para controle de Borrachudos

Aplicação de BTI busca reduzir proliferação dos insetos e desconforto para moradores

Quando é calor, são comuns também os inconvenientes mosquitos borrachudos que rodeiam as localidades cortadas por rios, córregos ou riachos. Ano após ano, quando não controlados, atrapalham a vida de todos que “se obrigam” a conviver com eles.

Pensando em facilitar o dia a dia da população a Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social, em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente e o Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS) elaboram um plano de trabalho para aderir ao programa de aplicação do inseticida biológico Bacillus thuringiensis israelensis (BTI) que dificulta a proliferação de larvas do mosquito.

“Uma limpeza correta dos rios, evitando dejetos de animais, por exemplo, aliada a preservação da mata ciliar, junto com a correta aplicação do BTI, é a receita mais eficaz para o combate dos mosquitos. Precisamos da colaboração de todos”, destaca o vice-prefeito e secretário Lairton Heineck (Republicanos).

O produto foi aplicado pela última vez em 2016. Conforme o técnico agrícola Michel Batistti e o agente de epidemias Marcelo Grohe, o BTI é um produto específico para a larva do mosquito borrachudo, que se desenvolve apenas em água corrente.

“Ele não mata o mosquito adulto, por isso sua utilização em outros locais que não tenham água corrente não fará diferença nenhuma no combate ao mosquito. O produto também não mata peixes ou outros animais aquáticos ou pragas de lavoura”, explicam.

 

Como evitar o borrachudo

- Mantenha a pocilga e o estábulo longe dos rios ou riachos para que eles não fiquem contaminados com os dejetos;

- Evite o desmatamento e replante trechos destruídos, preservando os inimigos naturais do borrachudo e para impedir o deslocamento dos borrachudos;

- Só utilize agrotóxicos com orientação técnica e evite, ao máximo, a contaminação de riachos;

- Evite a pesca e a caça e não mate os predadores dos borrachudos;

- Verifique a situação de esgotamento sanitário da sua residência para evitar a proliferação do inseto.

 

Sobre o mosquito

O mosquito borrachudo é um inseto da família dos simulídeos, mas que não tem nada a ver com o pernilongo. Os borrachudos gostam de voar durante o dia, com sol quente e ainda bem pequenos. A fêmea é quem dá a picada e se alimenta do sangue de mamíferos. A região da pele atingida incha porque quando o inseto pica injeta uma substância que provoca uma reação alérgica na pele.

A fêmea adulta deposita os ovos em folhas e galhos submersos em água corrente dos riachos. Os ovos viram larvas e pupas, e depois de 25 dias o borrachudo adulto sai de dentro da água. Quando a fêmea é fertilizada, procura um mamífero para picar, porque o desenvolvimento dos ovos que ela carrega depende da proteína do sangue, que pode ser o de um ser humano.

Ao contrário do mosquito da dengue, por exemplo, o borrachudo não gosta de água parada, e quanto mais sujeira houver, melhor para ele. As larvas se alimentam de matéria orgânica, por isso, lixo e dejetos de animais são o combustível para o criatório do borrachudo.

 

Fotos Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais
Educação

Secretaria realiza avaliações neuropsicológicas

O objetivo da avaliação neuropsicológica é mensurar e descrever o perfil de desempenho cognitivo do aluno, avaliando suspeitas de alterações que podem ser decorrentes de desordens neurológicas e outros transtornos.

Conforme a Secretária Municipal da Educação, Cultura, Turismo e Desporto, Sibele Thiele, as avaliações buscam melhorar o processo de aprendizagem das crianças. “Queremos diagnosticar o quanto antes para podermos auxiliar esses alunos para obterem sucesso, principalmente na alfabetização e posteriormente no ensino de todo currículo.”

 

Para saber

Os atendimentos são feitos por Daiane de Moura do Couto, Graduada em Psicologia, com ênfase em Psicologia Clínica, Pós-graduada em Terapia Cognitivo-Comportamental, Neuropsicologia e Psicologia Hospitalar. Também é Terapeuta do Esquema pela Wainer Psicologia.

Ela atua como psicoterapeuta de crianças, adolescentes e adultos/idosos. Trabalha com atendimento domiciliar e avaliação psicológica e neuropsicológica. Também realiza palestras em escolas, empresas e instituições diversas.

 

Foto Divulgação

Leia mais
Agricultura e Meio Ambiente

Produtores recebem adubo orgânico

Nos últimos dias 21 produtores do município receberam uma carga de adubo orgânico (cama aviária) com 27 metros cúbicos cada. Conforme o técnico agrícola Michel Battisti, o insumo foi comprado com recursos da Consulta Popular 2019/2020 no valor de R$ 52.151,00 e contrapartida do município de R$ 9.889,00.

Os produtores rurais beneficiados foram indicados pelo conselho da agricultura. De acordo com o Secretário Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Diego Bazzo, o incentivo ajuda a diminuir os custos com insumos químicos e repõe os nutrientes no solo, melhorando o desenvolvimento e a resistência das plantas.

 

Para saber

A cama aviária é o resíduo final da engorda de frangos em granjas e possui uma concentração muito alta de matéria orgânica além de ser rico em nutrientes, principalmente nitrogênio e fósforo, importantes para a fertilidade do solo.

 

Foto Divulgação

Leia mais
Administração

Estátua de Nossa Senhora da Montanha será atrativo turístico

Projeto foi apresentado pela família Degasperi. Construção será no mirante situado à 465 metros de altitude em relação ao nível do mar

O turismo religioso em breve terá mais um atrativo turístico. Trata-se da imagem de Nossa Senhora da Montanha, a ser instalada no mirante da família Degasperi, em Picada Serra, num local situado à 465 metros de altitude em relação ao nível do mar.

Conforme os empresários Claudir e Leonildo (filho e pai), a estátua poderá ter até 50 metros de altura. Para viabilizar o projeto, a meta é captar recursos na iniciativa privada e estimular o turismo religioso e rural nos municípios próximos e em todo o Vale do Taquari. O valor está estimado em R$ 3,5 milhões.

O mirante está localizado a 4,5 km da BR 386 e 45 quilômetros do Cristo Protetor de Encantado, com uma visão de 360 graus, rodeada de 12 cascatas e com a visualização de áreas de 14 cidades.

“No entorno estão belvederes, pinguelas, igrejas e um verdadeiro paraíso em meio a natureza e a vinda de turistas para esse novo atrativo deverá beneficiar uma ampla região, através de pousadas, campings, hotéis, restaurantes e comércio em geral”, projeta Claudir.

Outro atrativo do local é o encontro das águas dos rios Fão e Forqueta, sob a ponte em curva da BR-386 no início da serra de Pouso Novo. Para Leonildo, o ponto onde a santa será colocada é de devoção e fé, um símbolo para toda família.

“Inclusive no trajeto já construímos um Capitel em homenagem a Santo Antônio tendo em vista uma graça alcançada.” A antiga residência deverá se transformar num museu particular.

 

Incremento na economia

O prefeito de Marques de Souza, Fábio Mertz (PP) apoia a iniciativa. “O município dará todo o apoio para a consolidação desse projeto, pois o turismo chega como um grande incremento a nossa economia.”

Mertz destaca a possibilidade de no futuro a região receber outros investimentos no entorno como pousadas, hotéis, restaurantes e melhorias na infraestrutura para garantir acesso facilitado aos turistas. “Com o projeto vindo a ser executado, precisaremos fazer o alargamento das estradas e inclusive pavimentação da principal via de acesso ao monumento. Vamos dar todo apoio possível.”

 

Foto Divulgação

Leia mais
Cultura e Desporto

Grupo de dança na Oktoberfest de Santa Cruz

A 37ª Oktoberfest de Santa Cruz do Sul teve em sua programação, grupos de danças típicas alemãs. Ao longo dos três períodos de festa, serão mais de 60 apresentações de mais de 20 grupos envolvidos oriundos dos municípios de Santa Cruz do Sul, Vera Cruz, Vale do Sol, Venâncio Aires, Lajeado, Estrela, Restinga Seca, Marques de Souza, Santa Maria, Canguçu, Frederico Westphalen, Campo Bom, Arroio do Meio e Garibaldi.

Com apoio da Lei de Incentivo à Cultura, a Mostra é uma realização da Secretaria Especial da Cultura e Ministério do Turismo. O Grupo de Danças Alemãs Schön Ist Die Jugend esteve presente no evento no sábado à tarde. O prefeito Fábio Mertz (PP), prestigiou o evento.

“É um momento único para evidenciar o autêntico folclore germânico, com lindos trajes típicos e muita música.” A Festa da Alegria encerra no dia 23 de outubro. 

 

Foto Divulgação

Leia mais
Saúde e Assistência Social

Marques de Souza recebe o selo de “Município Amigo da Vacina”

Cidade superou em mais de 20% da meta estipulada pelo Ministério da Saúde

A Administração Municipal foi reconhecida pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul com o selo de “Município Amigo da Vacina”. A homenagem se dá devido ao esforço e empenho dos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde, Habitação e Assistência Social em imunizar  crianças de 1 ano até 4 anos 11 meses e 29 dias.

Conforme a responsável pela aplicação das doses, Maristela Fleck, a meta era aplicar 146 vacinas e já alcançamos 168. “Isso representa 20,6% acima da média estipulada pelo Ministério da Saúde. Nós enquanto trabalhadores da saúde ficamos imensamente gratos pelo reconhecimento. E devemos esse selo ao intenso trabalho em equipe que realizamos e vamos manter até o dia 22 quando a vacinação será encerrada.”

Conforme os dados mais recentes, 313 dos 497 municípios do Estado estão abaixo do percentual definido pelo Ministério da Saúde. Outro ponto que provoca alerta é a queda vacinal nos últimos anos: 53% dos municípios gaúchos alcançaram a meta em 2016. Em 2022, apenas 34% chegaram à cobertura esperada contra a pólio até o momento.

 

Esforço conjunto  

Para o secretário Lairton Heineck, o resultado alcançado é fruto do trabalho conjunto entre os agentes da saúde, educação e população em geral. “Juntos buscamos sensibilizar os pais e responsáveis sobre a importância de manter o calendário vacinal em dia. A vacina é a forma que temos de proteger nossas crianças, por isso não medimos esforços para facilitar o acesso às doses.”

 

Doses aplicadas

Poliomielite

Meta – 146

Aplicadas - 168 (115,6% - 20,6% acima da média)

 

Covid-19

1ª dose – 3.710

2ª dose – 3.584

3ª dose ou 1º reforço – 2.770

4ª dose ou 2º reforço – 805

Dose única – 102

Dose adicional – 03

 

Atendimento

O Posto de Saúde está aberto diariamente, das 7h30min às 11h30min e das 13h às 17h para aplicação das doses contra a poliomielite. Já para as doses de covid-19 as crianças entre 3 e 11 anos precisam agendar a aplicação pelo telefone (51) 3705.1051. Quem tiver acima desta idade pode fazer a vacina sempre às quartas-feiras, na Unidade de Saúde Central, das 7h30min às 11h30min e das 13h às 16h.

 

Todo cuidado é pouco

A poliomielite é uma doença causada por um vírus que vive no intestino, chamado poliovírus, e normalmente atinge crianças com menos de quatro anos. Os sintomas são semelhantes aos de infecções respiratórias (febre e dor de garganta) e gastrointestinais  (náusea, vômito e prisão de ventre). Cerca de 1% dos infectados pelo vírus pode desenvolver a forma paralítica da doença, capaz de causar sequelas permanentes, insuficiência respiratória e, em alguns casos, levar à morte.

 

Foto Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais
Administração

Rua Coberta é inaugurada com show da Banda Barbarella

A estrutura foi erguida na Rua Getúlio Vargas, em frente à Praça Recanto Livre

A Administração Municipal fez a entrega oficial da Rua Coberta na noite de ontem, dia 11. O projeto foi executado com recursos próprios e alcançou um investimento de R$ 461.836,21.

A estrutura foi erguida na Rua Getúlio Vargas, em frente à Praça Recanto Livre, seguindo uma enquete realizada com os empresários. Conforme o prefeito Fábio Mertz (PP) e o vice-prefeito Lairton Heineck (Republicanos), esta é mais uma obra que a atual gestão se comprometeu em fazer, atendendo um requerimento dos vereadores e de toda comunidade.

“Por pelos menos 15 anos este projeto estava em discussão e nós conseguimos realizar ele agora. Além de um novo ponto turístico, teremos um espaço mais amplo, confortável e acolhedor para realizar nossos eventos, exposições, feiras do produtor e a tradicional Rua do Lazer, sem necessidade de precisar transferir para outros espaços ou mesmo cancelar quando chover.”

Na noite houve a apresentação da Orquestrinha da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes, distribuição de brinquedos do Motogrupo Parazitas em parceria com a Eurovias e baile com a Banda Barbarella.

 

Mais investimentos

Mertz e Heineck destacaram os demais investimentos e projetos em andamento como a pavimentação asfáltica em Bela Vista do Fão, a construção de pistas de caminhada no parque municipal, a ampliação da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes e a compra de mais uma retroescavadeira nova.

Em breve deve iniciar o asfaltamento da estrada velha (liga o Centro a Picada Flor), a construção de banheiros no parque municipal, a continuidade aos incentivos no setor primário, pavimentação de rua no centro e ampliação da Escola de Educação Infantil Brilho de Infância.

“Isso só é possível graças à gestão enxuta que realizamos, tendo uma das folhas de pagamento mais baixas da região, com apenas 25,58%. A cidade vive um novo ciclo de desenvolvimento e precisamos estar preparados para aproveitar esta oportunidade, fazendo jus ao nosso compromisso de gerar emprego e renda, com mais qualidade de vida para todos”, finalizou Mertz.

 

Fotos Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais
Educação

Escola Carlos Gomes alcança terceira melhor posição no Vale

Resultado é atribuído graças ao empenho e dedicação de toda comunidade escolar durante a pandemia 

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) apresentaram os resultados do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) 2021 e do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2021.

A Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes ficou em terceiro lugar no Vale do Taquari (6º ao 9º ano do Ensino Fundamental - anos finais), com 6,3 pontos. Para os anos iniciais, com faixa etária dos 6 aos 11 anos, o exame apura os elementos da alfabetização e o educandário alcançou 6,4 pontos.

A notícia foi recebida com alegria pela Secretária Municipal de Educação, Cultura, Turismo e Desporto, Sibele Thiele. Segundo ela, o índice foi alcançado graças ao empenho e dedicação de toda comunidade escolar durante a pandemia.

No início do ano de 2021, quando as atividades presenciais foram suspensas, todos os alunos receberam as atividades entregues em casa e os professores ficaram à disposição de forma remota.

Outro fator importante foi o retorno às aulas presenciais de forma escalonada (no mês de maio) e de forma integral (no mês de agosto), de acordo com as exigências dos protocolos.

“A direção, equipe de professores e monitores precisaram se reinventar, assim como os alunos e suas famílias. Mesmo a distância, todos sempre receberam atividades para realizar em casa, sendo incentivados a ler, escrever, estudar e desenvolver as atividades. As famílias tiveram um papel fundamental nesse aspecto, pois auxiliaram e incentivaram os filhos a estudar e realizar as tarefas.”

 

Infraestrutura

O prefeito Fábio Mertz (PP), destaca o importante trabalho realizado pela equipe de ensino, responsável pela qualidade acima da média. “A educação é uma das nossas grandes prioridades. Para manter e melhorar cada vez mais os números, além de investir na qualificação do quadro de professores e funcionários, a infraestrutura recebe atenção especial.”

Somente no último ano o município aplicou mais de R$ 1,5 milhão em obras de ampliação da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes e da Escola de Educação Infantil Brilho de Infância. Em breve o colégio deve receber a construção de salas de aula, berçário e trocadores, banheiros, cujo valor investido deve alcançar R$ 1,1 milhão e criar 60 novas vagas.

Em 2021, Marques de Souza investiu mais de 25% do orçamento em educação. São 273 estudantes matriculados na rede municipal de ensino.

 

Para saber

O Ideb é feito a partir dos resultados sobre taxas de evasão escolar, aprovação e testes de proficiência. Para os anos iniciais, com faixa etária dos 6 aos 11 anos, o exame apura elementos da alfabetização. Já nos anos finais, na faixa etária dos 11 aos 15 anos, o exame apura interpretação de texto e lógica.

O índice varia de 0 a 10. A pontuação serve como condutora política pública à educação, como uma ferramenta para acompanhamento das metas de qualidade. A meta estipulada pelo MEC para o ano era de 6 pontos.

 

Foto Divulgação

Leia mais
Administração

Rua Coberta será inaugurada com show da Banda Barbarella

A cerimônia vai ocorrer no dia 11. Investimento supera os R$ 461 mil em recursos próprios

Na próxima terça-feira, véspera de feriado do Dia das Crianças, a Administração Municipal fará a inauguração oficial da Rua Coberta. O projeto foi executado com recursos próprios e alcançou um investimento de R$ 461.836,21.

A estrutura foi erguida na Rua Getúlio Vargas, em frente à praça Recanto Livre, seguindo uma enquete realizada com os empresários. Conforme o prefeito Fábio Mertz (PP), esta é mais uma obra que a atual gestão se comprometeu em fazer, atendendo um requerimento dos vereadores e de toda comunidade.

“Além de um novo ponto turístico, teremos um espaço mais amplo, confortável e acolhedor para realizar nossos eventos, exposições, feiras do produtor e a tradicional Rua do Lazer, sem necessidade de precisar transferir para outros espaços ou mesmo cancelar quando chover.”

Mertz afirma que por pelo menos 15 anos o projeto era discutido e agora, graças à boa gestão e aplicação dos recursos, a obra foi concretizada. Agradeceu ao empenho de toda equipe de engenharia pela elaboração do projeto arquitetônico e a fiscalização para que oferecesse também toda segurança aos usuários.

 

Atrações

As festividades iniciam às 19h30min com apresentação da Orquestrinha da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes, seguido do pronunciamento das autoridades às 20h e depois a Banda Barbarella anima o baile.

De acordo com o vice-prefeito Lairton Heineck (Republicanos), a Rua Coberta foi criada para ser um espaço público de todos. “A obra vai dar segurança aos frequentadores e organizadores de eventos, que antes ficavam angustiados com a previsão de chuva e até tinham que transferir as programações. Ainda será um ponto turístico e de visitação.”

 

Programação

19h30min – Show da Orquestrinha da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes;

20h – Pronunciamento de autoridades e entrega oficial da obra;

21h – Show com a Banda Barbarella (sem cobrança de ingresso).  

 

Foto Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais
Agricultura e Meio Ambiente

Marques de Souza implanta coleta seletiva de lixo

Gestão dos resíduos sólidos e destinação correta contribui com a qualidade ambiental e preza pela sustentabilidade

Com o objetivo de reduzir a quantidade de lixo produzido, incentivar o reaproveitamento e a reciclagem de materiais e auxiliar na preservação dos recursos naturais, a cidade passa a ter coleta seletiva de lixo a partir do dia 13.

Este novo formato de recolhimento prevê a separação do lixo em orgânico (compostável), reciclável (seco) e rejeito (comum), sendo que os resíduos deverão ser colocados em sacos separados e depositados nos locais indicados apenas nos dias e horários de coleta.

De acordo com o prefeito Fábio Mertz (PP) a implantação do programa de coleta seletiva demonstra a preocupação do governo municipal com a gestão dos resíduos sólidos, destinação de forma correta e assim contribuir com a qualidade ambiental e prezar pela sustentabilidade.

“Vamos nos antecipar ao marco regulatório e cumprir mais uma promessa de campanha. Tivemos sete empresas no processo licitatório e conseguimos uma economia muito boa, pois o valor a ser aplicado ficou bem abaixo da projeção. Agora cabe a nós, população, fazer a separação correta para alcançar o resultado desejado e necessário ao meio ambiente.”

 

Campanhas educativas

O próximo passo é intensificar os trabalhos de divulgação e educação ambiental, a fim de orientar e estimular toda população a participar ativamente do programa e realizar a separação correta dos resíduos de acordo com suas características e destiná-los aos locais adequados, nos dias e horários de coleta.

Segundo o coordenador do Departamento de Meio Ambiente, Elemar Camargo, a importância da coleta seletiva é justamente a redução dos impactos ambientais do consumo. “Quando separamos o lixo ou o que sobrou do que consumimos, facilitamos muito o seu tratamento e diminuímos as chances de impactos nocivos para o ambiente e para a saúde da vida no planeta, incluindo a vida humana.”

A coleta do lixo comum, ou rejeito, continuará nos mesmos moldes já feitos até o presente momento. O que muda é a coleta seletiva a qual ocorrerá uma vez por semana, sempre às quintas-feiras, em toda a área urbana do município (inclui-se nesta os distritos de Bela Vista do Fão e Tamanduá).

Camargo lembra que o projeto foi apresentado à comunidade no ano de 2019 pelo Departamento de Meio Ambiente Univates, de Lajeado, através de reuniões e treinamento à líderes comunitários de diversos segmentos como comércio, Emater, Agentes Comunitárias de Saúde, líderes religiosos, recicladores e comunidade em geral.


Mudança de hábito

O vice-prefeito e Secretário Municipal de Saúde e Assistência Social, Lairton Heineck (Republicanos), enfatiza que o município inicia um processo de mudança de hábitos por meio da separação e, principalmente, da conscientização de que o cidadão é responsável pelos resíduos que gera em sua residência.

“O sucesso do programa de coleta seletiva dependerá da participação, engajamento e empenho de toda comunidade, visando um município cada vez mais limpo, organizado, sustentável e feliz de se viver.”

 

Como funciona

Coleta Seletiva

Quem mora na zona urbana ou nos distritos deve colocar na frente de casa nos dias de coleta (sempre nas quintas-feiras, a partir das 7h), o lixo reciclável.

 

Lixo comum ou rejeito

Deverão ser embalados em sacos ou sacolas plásticas e colocados na frente de casa nos dias de coleta, conforme cronograma.

 

Lixo orgânico

Este deve ser utilizado na horta, composteira ou para alimentar animais.



Separe em casa

Resíduo Reciclável (seco): jornais, papéis, revistas, papelão, cadernos, embalagens longa vida, tampas de garrafas, sacos e sacolas, garrafas PET, copos e potes descartáveis, plásticos e embalagens em geral, latas de aço, alumínio e embalagens metálicas em geral, isopor, copos, pratos e outros objetos de vidro, fotografias, espuma, acrílico, espelhos, cerâmica, porcelana, entre outros.

 

Resíduo Orgânico (compostável): restos de comida, cascas de legumes, frutas, cascas de ovos, erva mate, borra de café, sementes, restos de varrição da casa, podas de jardim, guardanapos de papel usados, entre outros.

Importante: em vez de mandar o resíduo orgânico para a coleta, faça sua composteira em casa. Use o adubo na horta, vasos de plantas e jardim.

 

Resíduo comum: lenços, bitucas, cotonetes, papel higiênico, fraldas, absorventes, entre outros.

 

Resíduos especiais

Verdes: resíduos de podas, plantas, galhos e troncos. Depositar em locais de fácil acesso para a coleta. Em caso de maiores volumes, agendar o recolhimento com a Secretaria Municipal de Obras pelos telefones (51) 3705- 1081 ou (51) 9.9615-6724 (WhatsApp).

Volumosos: móveis, sofás, colchões, camas, armários, entre outros. Se estiverem em bom estado, deverão ser encaminhados para doação. Quando não for possível a doação, o proprietário deverá desmontar o móvel e reutilizar todos os materiais possíveis. Mais informações pelos telefones (51) 9.9626-5334 (WhatsApp) ou (51) 3705-1145 com o Departamento de Assistência Social.


Construção civil: restos de concreto, tijolos, entulhos de metal, entre outros. Estes deverão ser destinados a empresas de Tele-entulho especializadas para o recolhimento e fica sob responsabilidade dos proprietários/geradores a sua contratação e pagamento de eventuais despesas.


Lâmpadas, pilhas, baterias e eletrônicos: conforme sistema de Logística Reversa (Lei Federal n° 12.305/2010), os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes devem receber e dar o destino final adequado dos resíduos das lâmpadas. Então procure o local onde adquiriu o produto para fazer a devolução.


Óleo de cozinha e vidros: armazene as sobras do óleo de cozinha em garrafas PET e leve até os pontos de coleta localizados: prefeitura, subprefeitura de Bela Vista do Fão e Tamanduá, Supermercado STR e AC(Centro).


Embalagens de agrotóxicos: devem ser tríplice lavadas e entregues na campanha anual de recolhimento, em parceria com a Fundação Pró-Rio Taquari, conforme calendário de divulgação.


Resíduos de saúde: sobras de medicamentos, frascos de remédios, seringas e outros materiais usados. Levar diretamente no Posto de Saúde Municipal durante todo o ano.


Fotos Divulgação

Leia mais
Educação

Coordenadora pedagógica assume secretaria

Sibele Thiele foi escolhida para assumir a Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Turismo e Desporto

A professora concursada e coordenadora pedagógica da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes, Sibele Thiele foi escolhida para assumir a Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Turismo e Desporto.

Conforme o prefeito Fábio Mertz (PP), a definição segue um critério técnico e discutido com os professores, diretores e demais integrantes da atual gestão. “É uma profissional com amplo conhecimento na área e entendemos estar preparada para desempenhar a função, dando seguimento ao trabalho exercido pelo secretário Jurandir Brenner até a última sexta-feira, dia 30.”

Sibele se disse muito feliz pelo reconhecimento e confiança, dando um voto de credibilidade ao trabalho exercido pelos professores municipais. “Será um novo desafio e com certeza uma grande responsabilidade estar à frente desta pasta. A secretaria conta com uma equipe de professores, monitores, motoristas e funcionários competentes e profissionais, dos quais terei todo apoio.”

Segundo ela, o plano de ação da Secretaria é dar sequência ao trabalho iniciado por Brenner. Elogiou a organização e os excelentes projetos em andamento .

“Meu foco será no aluno, nas inovações pedagógicas e na ampliação do uso dos recursos tecnológicos para avançar na aprendizagem. Precisamos sempre aperfeiçoar a equipe de trabalho, bem como cuidá-la para receber bem nossas crianças e conversar com as famílias. A secretaria estará de portas abertas para juntos pensar o que é melhor para nossas crianças e o coletivo.”

 

Para saber

Sibele é professora concursada desde 2003. Possui formação superior com direito à docência no Ensino Fundamental e Médio na disciplina de Matemática, Ensino Médio nas disciplinas de Física e Química. É Especialista em Supervisão e Gestão Educacional. Já exerceu a função de vice e diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Carlos Gomes.

 

Foto Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais
Educação

Jurandir Brenner deixa Secretaria Municipal da Educação

Funcionário público desde 2001, ingressou como pedreiro e após duas décadas sai como Secretário da Educação

Com a aposentadoria, Jurandir Brenner, 53, optou deixar o comando da Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Turismo e Desporto no último dia 30. O prefeito Fábio Mertz (PP), o vice-prefeito Lairton Heineck (Republicanos), secretários e colegas prestaram uma homenagem pelos anos de trabalho na prefeitura municipal na qual ingressou por meio de concurso público em 2001 para ocupar o cargo de pedreiro.

Ao longo de duas décadas trabalhou como Auxiliar Administrativo nas Secretarias de Administração, Obras, Educação e por três oportunidades como Secretário de Educação, sendo a primeira em 2010 até final de 2013, a segunda de 2015 a 2016 quando saiu para ser candidato a vereador tendo exercido o mandato na legislatura passada e a terceira na  atual gestão quando novamente assumiu como Secretário Municipal de Educação, Cultura, Turismo e Desporto.

“Além de amigo, Brenner foi sempre um funcionário e secretário exemplar. Pontual, dedicado e com muito conhecimento. Desejamos sorte na nova etapa de sua vida”, destaca Mertz. 

Brenner agradeceu aos colegas e munícipes pelo convívio, pela troca de ideias, pela troca de experiências e pelos aprendizados. “Agradeço muito por todas as oportunidades que me foram dadas e por todas as responsabilidades que me foram confiadas. Saio feliz e tranquilo,  com a sensação de dever cumprido.”

 

Entrevista

Quem é o Jurandir Brenner? 

Jurandir - Sou natural de Marques de Souza. Gosto das coisas simples da vida, gosto de ficar em casa com a família, no trabalho procuro ser bastante pontual, prático e objetivo visando atender a coletividade na maior brevidade possível. Não meço esforços para manter os compromissos assumidos e cobro na mesma intensidade.

 

Qual a sua formação?

Jurandir - Eu tenho Licenciatura em História, sou pós-graduado em Gestão Pública, em Gestão de Recursos Humanos e em Ciência Política.

 

E onde foi seu primeiro emprego?

Jurandir - Meu primeiro emprego foi em uma fábrica de calçados chamada INCOMEX, no ano de 1984 na localidade de Arroio do Ouro, município de Estrela. Ingressei na vida pública em 2001. Prestei concurso público para o cargo de pedreiro para o qual fui chamado em seguida.

 

Depois, quando as demais funções desenvolvidas?

Jurandir - Em seguida voltei aos estudos e em 2006 prestei concurso público para o cargo de Auxiliar Administrativo tendo sido chamado naquele ano onde  iniciei  os trabalhos na nova função  junto a Secretaria Municipal de Administração no Protocolo e outros setores da mesma secretaria. Também trabalhei na parte administrativa da Secretaria Municipal de Obras e no ano de 2009 pedi uma oportunidade para a Secretária Municipal da Educação. Na época, Sônia Scherer parou de exercer a função e eu assumi a área administrativa.

 

Quando você se tornou Secretário Municipal da Educação?

Jurandir – Ocupei o cargo em três oportunidades, sendo a primeira em 2010 por indicação da então secretária Sônia Scherer que por questões particulares  deixou a função e me indicou. Fiquei até o final de 2013. A segunda foi de 2015 a 2016 quando sai para ser candidato a vereador tendo exercido o mandato na legislatura passada e na  atual gestão novamente assumi a função de secretário.

 

Qual o maior desafio frente a secretaria?

Jurandir - Encontrar  o ponto de equilíbrio nos investimentos na estrutura física, pedagógica, recursos humanos, transporte escolar, alimentação escolar entre outros sem que nenhum quesito seja prejudicado e sempre possa ter valor  agregado que resulte em ganho na qualidade do processo de ensino e aprendizagem.

 

Como a educação pode mudar o mundo?

Jurandir - Acredito que a mudança tem que começar dentro de nós. A educação pode nos fazer compreender o mundo em que vivemos. Dentro do nosso município têm grandes diferenças culturais e podemos mudar o mundo entendendo estas diferenças e respeitando-as, desde que  cada um de nós faça a sua parte dentro dos seus limites respeitando as diferenças.

 

Qual o papel da escola e dos pais na formação?

Jurandir - É um trabalho conjunto, hoje muitas crianças e adolescentes passam mais tempo com os professores do que com os pais, se não houver sintonia entre escola e família o resultado final não será bom, cada qual tem que respaldar o trabalho do outro, é muito importante que em qualquer situação  se mantenha  o diálogo, escola e família precisam estar próximas para o bem de todos e principalmente das nossas crianças e adolescentes.

 

Após duas décadas de trabalho, qual o aprendizado que você leva para sua vida?

Jurandir - No meu entendimento o que de mais importante fica e o que realmente levo para a vida são as vivências proporcionadas nesses anos todos com os colegas, com os alunos das escolas com os munícipes e pela minha experiência o que posso dizer é que devemos nos preparar para os nossos objetivos, porque as oportunidades vão aparecer e se você não estiver preparado não adianta se lamentar.

 

E os projetos futuros?

Jurandir - Nesse primeiro momento quero fazer algumas reformas e pintar a minha casa, para o ano que vem ainda não defini. 

 

Frase destaque

“Acredito que a mudança tem que começar dentro de nós, a educação pode nos fazer compreender o mundo em que vivemos, dentro do nosso município têm grandes diferenças culturais, podemos mudar o mundo entendo estas diferenças e respeitando-as, desde que  cada um de nós faça a sua parte dentro dos seus limites respeitando as diferenças.”

 

Foto Giovane Weber/FW Comunicação

Leia mais