Agricultura

Casal aposta na produção de ovos

O investimento chega a R$ 1,3 milhão e capacidade de alojar até 20 mil galinhas por lote

Adão Tadeu Rodrigues da Silva e Izanete Brunheira, de Linha Atalho recebem incentivo da Secretaria Municipal de Agricultura para implantar uma granja de produção de ovos. O investimento chega a R$ 1,3 milhão e capacidade de alojar até 20 mil galinhas por lote

“Vamos entregar em média 16 mil ovos por dia. Este auxílio é fundamental para podermos diversificar a nossa renda, hoje dependente da atividade leiteira”, destacam.

O casal possui um rebanho de 22 vacas em lactação. São entregues para a indústria em média 700 litros de leite a cada dois dias. A decisão de investir no segmento avícola tem o objetivo de garantir maior estabilidade financeira.

“Além de ser uma atividade que exige muito esforço físico, o preço oscila muito. Somente no último mês o valor do litro reduziu em R$ 0,60. Isso representa uma queda de R$ 6 mil em relação ao mês anterior.”

O primeiro lote deve ser alojado até fevereiro de 2023. No momento as obras se concentram na terraplenagem.

 

Galinhas soltas e felizes

O modelo de produção adotado será livre de gaiolas, seguindo uma tendência mundial. Além de ficarem soltas no galpão, terão um espaço aberto ao ar livre. Apesar de exigirem mais cuidados e mão de obra, o valor da matéria-prima aumenta comparado com o produto convencional.  

Entre as vantagens, Izanete cita o bem-estar dos animais. A ideia é fazer com que as aves fiquem no hábitat natural.

 

Emprego e renda

As obras de terraplenagem foram visitadas pelo prefeito Fábio Mertz (PP) e pelo secretário Diego Bazzo. “Este é nosso compromisso. Gerar renda, emprego e possibilitar o aumento do faturamento para que nossas famílias possam viver com mais dignidade e qualidade de vida”, destaca Mertz.

Bazzo destaca a importância de diversificar no meio rural para garantir estabilidade financeira e quem sabe no futuro despertar o interesse pela sucessão nos negócios. “Nós estimulamos os produtores a ter mais de uma atividade e assim conseguirem se manter, aumentar o seu faturamento e caso de perda em algum segmento, ter o outro para suprir.”

 

Crescimento

No município a atividade está em franco crescimento. Com o projeto do casal, são quatro granjas já instaladas e uma outra está em fase de transição, onde a criação de frangos será substituída pela de ovos.

Quando todos os aviários estiverem em atividade, por lote serão alojadas mais de 96 mil aves. A produção média por dia chegará a 76 mil ovos.

 

Foto Giovane Weber/FW Comunicação